WeCreativez WhatsApp Support
Atendimento via Whatsapp
Olá, como podemos lhe ajudar?

“Saúde Bucal e Vinho” por Henrique Silva Pinto.

Amigos enófilos, tim-tim!
Permitam que me apresente, sou Henrique Silva Pinto, dentista formado há 35 anos pela USF de Bragança Paulista e Sommelier profissional formado pela ABS-SP há 5 anos. Atuo até hoje nas duas áreas, em meu consultório particular em Higienópolis-SP capital e como representante da vinícola Dal Pizzol na cidade de SP.
Conheci a Taís Gusmão no curso de formação de sommelier da ABS e estivemos juntos em vários projetos, surgindo daí uma sólida e carinhosa amizade.
Convidado por ela, vamos falar aqui um pouco dos efeitos do vinho sobre a nossa dentição.
Duas paixões!
Começando pela parte boa, estudos recentes mostram que os polifenóis presentes no vinho tinto ajudam a combater o streptoccocus mutans, um dos grandes vilões presentes na flora microbiana oral, reduzindo assim o risco de cárie dental. Por outro lado, temos presentes no vinho tinto cor e acidez e no vinho branco alta acidez, que podem agir de modo prejudicial nos dentes, causando pigmentação e desmineralização do esmalte dental.
Estudos recentes mostram que após alguns minutos da bebida, inicia-se o processo de ataque dos ácidos sobre o esmalte. Como normalmente o vinho é degustado por períodos extensos, a ação erosiva é intensa.
Mas não vamos deixar de apreciar um bom vinho por isso! De jeito nenhum!
Basta acrescentar uma taça de água e algum alimento durante a degustação para minimizar esse efeito. Comer algo e beber água estimula a salivação e a saliva é nossa grande aliada, diluindo os ácidos e combatendo a desmineralização do esmalte dental causada pelo vinho. Lembrando também que o vinho branco é um pouco mais ácido que o tinto, portanto, pior nesse aspecto.
E a cor? Em algumas pessoas ocorre uma pigmentação avermelhada nos dentes após a ingestão de taças de vinho tinto, dando ao individuo um aspecto vampiresco. Instintivamente, a solução seria escovar os dentes imediatamente após avistar essas manchas horrorosas. Não faça isso! Beba água procurando lavar os dentes e aguarde uns 30 minutos para escovar. Assim você diminui a abrasão que a escovação provoca sobre o esmalte dental.
Em resumo, amigos enófilos, tudo é uma questão de aprendizado.
Não vamos deixar de beber nosso vinho e sim, vamos aprender a beber e cuidar da nossa saúde bucal!
Tim-tim, amigos!

Tel: 1199934-7901
Facebook: Henrique Silva Pinto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *